AS ARMAS DA ESGRIMA

               AS ARMAS DE COMPETIÇÃO OLÍMPICA
 

download (1).jpg
FLORETE - FOIL

Superfície válida no florete: torso, e uma parte da barbela da máscara 1.5–2cm abaixo do pescoço.

florete é a arma mais comum entre os esgrimistas por ser uma arma de lâmina mais flexível e mais leve do que a espada e que se joga com mais delicadeza no toque, no torso somente. Esta também era a única arma tradicionalmente que as mulheres usavam em muitas competições.

É uma arma boa para o início da aprendizagem.
Exige postura, agilidade, equilíbrio e flexibilidade além de um agudo senso de tempo de reação que caracteriza todos os esgrimistas fascinados por este desporto. Medindo uns 90 centímetros com lâmina, a arma inclui o copo (ou casoleta, em italiano) e pega (as partes pelas quais o esgrimista protege e segura a arma, respectivamente) são menores do que na espada (que protege a mão toda — zona válida, na espada), e no sabre (que tem proteção adicional para o braço) facilitando o manejamento ágil da arma. O punho francês que é similar a pega de um arpão. A lâmina de forma trapezoidal é mais flexível do que a da espada, mas não tanto quanto a do sabre.

ESPADA - EPEE

Superfície válida na espada: o corpo inteiro.

espada, por ser uma arma que pode atingir o corpo todo do adversário, deve-se jogar numa posição mais vertical. Assim sendo, ela é uma arma boa para jogadores mais altos, especialmente aqueles que não tem tanta agilidade para se flexionar, como no florete ou no sabre. Isso não significa que os esgrimistas ágeis não possam jogar, mas nota-se que, das três armas, a espada é a mais adequada aos indivíduos altos.

Outro motivo para não se agachar muito com o jogo da espada é para não deixar o joelho muito à frente, tornando-o facilmente um alvo exposto.A lâmina, mais dura de todas três armas, produz um toque forte e pontiagudo, principalmente quando tocado na máscara do oponente.

 

 


Foto 1 : Espada com punho anatômico

 

 


Foto 2 : Espada com punho francês

download.jpg
ed1xf.jpg
es1x.jpg
SABRE

Superfície válida no sabre: tudo acima da cintura, exceto mãos e nuca.

sabre é a arma de duelo mais violento e ágil. A sua lâmina é mais flexível de todas as três. O atacante pode usar o sabre como um chicote em que a lâmina é tão flexível que nem o bloqueio do defensor poderá bloquear a parte frontal da lâmina do atacante, que se dobra por cima da lâmina do defensor. O sabre exige muita rapidez e uma preparação física muito grande, pois o duelo é muito rápido, considerando que o toque pode ser feito não só com a ponta mas também com a lâmina — tanto quando o atacante ataca (corte) como quando contra-ataca (contra-corte) com a lâmina. Em contraste aos toques violentos da lâmina, também é comum o esgrimista ser tocado, durante um combate, e nem sentir.

 

Fonte : Wikipedia | Fotos : Allstar Fencing